Sistema de monitoramento por câmeras vai intensificar combate à sonegação em MT

0
169

O Governo de Mato Grosso vai implantar nos próximos meses um sistema de monitoramento por câmeras OCR (Registro Óptico de Caracteres) para intensificar o combate à sonegação e às fraudes fiscais no estado. A informação foi confirmada pelo secretário de Fazenda, Rogério Gallo, durante a abertura do 15º Encontro Nacional de Inteligência Fiscal realizado nesta terça-feira (28), em Cuiabá.

O evento contou com a presença do governador de Mato Grosso, Mauro Mendes, do secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, e do coordenador do Sistema de Inteligência Fiscal (SIF), Telmo Luiz Boll.

Gallo explicou que o videomonitoramento vai possibilitar uma fiscalização mais efetiva, a partir da leitura das placas dos caminhões e do cruzamento das informações com o banco de dados da Sefaz. “Nós vamos começar a trabalhar com as câmeras OCR, com a proposta de varrer nosso Estado com informações de todas as placas de caminhões e cruzar com os bancos de dados da Secretaria de Fazenda. Essa é uma ação de inteligência fiscal que vai trazer bons resultados”.

Além do monitoramento por câmeras, a Sefaz tem adotado outras medidas para combater a sonegação fiscal. Entre elas está a criação de duas novas unidades, o Batalhão Fazendário e a Coordenadoria de Controle e Monitoramento de Médios e Grandes Contribuintes.

“A unidade de controle e monitoramento acompanha, em tempo real, os 700 maiores contribuintes e emitiu cerca de 40 mil notificações somente no primeiro trimestre do ano. Já o Batalhão Fazendário fez com que a nossa fiscalização de trânsito melhorasse bastante, nós temos arrecadado quase o triplo do valor que nós arrecadamos no ano passado, no mesmo período”, afirmou o secretário Rogério Gallo.

Para o governador, Mauro Mendes, o trabalho desempenhado pela Sefaz tem sido fundamental no combate à sonegação e às fraudes fiscais. “Essa será uma das grandes prioridades da nossa administração nos próximos meses para que nós possamos melhorar a eficiência do nosso sistema de arrecadação, fazer com que as pessoas possam pagar corretamente o imposto e com isso, quem sabe um dia, até diminuir a tributação a partir do momento que mais pessoas possam pagar”.

Outra pasta do Executivo que reforça as ações de combate às fraudes fiscais é a Secretaria de Segurança Pública (Sesp), por meio das operações interagências que visam evitar danos aos cofres públicos. “Nós temos a Delegacia Fazendária que trabalha muito forte, evitando fraude e corrupção. E essa parceria entre as inteligências de Estado de Fazenda e de Segurança Pública, cada um mostrando o seu conhecimento, possibilita que utilizemos ferramentas de Inteligência da melhor forma possível”, disse o secretário de Segurança Pública, Alexandre Bustamante.

Participaram ainda do 15º Enif representantes das áreas de inteligência, fiscalização, controle e persecução penas das Secretarias de Fazenda Estaduais e da Receita Federal do Brasil.

O que é o ENIF?

O Enif é um evento anual, coordenado pelo Sistema de Inteligência Fiscal (SIF), composto pelas Unidades de Inteligência Fiscal das Secretarias de Fazenda Estaduais e da Receita Federal do Brasil. O objetivo é promover um encontro presencial para intercâmbio de conhecimentos sobre a atividade, com a realização de palestras, apresentações e compartilhamento de experiências e das melhores práticas desenvolvidas nos respectivos estados.

O encontro também busca capacitar os participantes em diversas áreas, envolvendo aspectos jurídicos e procedimentos fiscais pertinentes a matéria tributária, objetivando a racionalização e efetivação de resultados para as respectivas Administrações Tributárias, das quais fazem parte.

Sob a organização da Secretaria de Fazenda (Sefaz) o encontro, que acontece pela primeira vez em Mato Grosso, terá programação até o dia 31 de maio.

Lorrana Carvalho | Sefaz/MT

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here