Programa Verde e Amarelo é discutido pelo presidente do Sistema Fecomércio

0
79

Durante reunião da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) realizada no Rio de Janeiro, o presidente da Fecomércio, Sesc e Senac em Mato Grosso, José Wenceslau de Souza Júnior, discutiu com a diretoria nacional pautas relacionadas as entidades e também ao Programa Verde e Amarelo, do presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com informações divulgadas na imprensa, um estudo da Instituição Fiscal Independente (IFI), do Senado Federal, avaliou que o Programa Verde Amarelo de Jair Bolsonaro e do ministro da Economia, Paulo Guedes, que tem por objetivo diminuir a taxa de desemprego no Brasil, vai, na verdade, engordar o caixa do governo.

A IFI analisou que a iniciativa do governo federal irá render R$ 12,7 bilhões até 2024 com a taxação do seguro-desemprego dos trabalhadores. Em contrapartida, a meta de oferecer 1,8 milhão de vagas de emprego é considerada pela instituição difícil de ser atingida.

Se 900 mil vagas de emprego forem oferecidas, metade da meta, o custo do programa cairia para R$ 5,7 bilhões, tendo ainda sim um ganho extra de R$ 7 bilhões. Caso fosse cumprido um quarto da meta, 450 mil vagas, o programa renderia ao governo R$ 11, 6 bilhões, já que os custos cairiam para R$ 1,1 bilhão.

Fonte: Fecomércio

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here