Dodge pede 18 investigações de congressistas do MDB, PT e Pros

0
159

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, requereu ao STF (Supremo Tribunal Federal) a abertura de 18 inquéritos contra deputados federais e senadores do MDB, PT e Pros. Os nomes dos investigados são mantidos sob sigilo.

Os congressistas teriam recebido propina em acordos da Petrobras. O requerimento de Dodge foi embasado nos pedidos de investigação em duas colaborações premiadas homologadas pelo ministro do Supremo Edson Fachin.

No texto enviado ao STF, a procuradora requer o desmembramento de parte dos processos e o envio de trechos envolvendo pessoas sem foro privilegiado para a Justiça comum.

Por causa das irregularidades contatadas, Dodge sugeriu que os processos sejam enviados ou para a 7ª Vara Federal Criminal de Curitiba, da juíza Gabriela Hardt, ou para a 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, do juiz Marcelo Bretas. Nestas, tramitam inquéritos da Operação Lava Jato.

“As indicações de declínio de competência feitas nesta fase investigatória [inquérito] têm base em juízos aparentes, incipientes e precários da participação de pessoa com ou sem foro com prerrogativa ou de elementos do tipo penal investigado, para o processamento do feito, e que o reconhecimento da competência judicial para processar e julgar a ação penal será feito no momento processual oportuno”, disse.

 

 

Crédito: Poder 360

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here