Conheça alternativa de entrega mais econômica e sem transtornos para pequenos lojistas

0
148

O Sintect-SP (Sindicato dos trabalhadores dos Correios de São Paulo, Grande SP e Sorocaba) anunciou greve em todo país por tempo indeterminado: a categoria busca melhorias no salário e benefícios, além de ser contra a privatização dos Correios. Com a paralisação alguns setores são atingidos diretamente, é o caso do Comércio Eletrônico – segundo levantamento da Loja Integrada, 91% dos lojistas entrevistados utilizam os Correios na entrega dos seus produtos.

Para as lojas virtuais que querem evitar transtornos e ainda economizar, uma alternativa é apostar nos motoristas de aplicativos, e, isso já é possível graças a uma startup que criou uma rede colaborativa para reduzir custos logísticos e agilizar entregas. A Uello (www.uello.com.br) oferece uma plataforma de serviço de frete urbano mais rápido e econômico, para todo tipo de produto e tamanho de empresa. Com dois anos de mercado, a startup já conta com mais de mil motoristas parceiros cadastrados e realiza cerca de 3 mil entregas por dia só na Grande SP.

A rede colaborativa da Uello funciona por meio de uma plataforma virtual que permite a integração entre os motoristas que fazem as entregas e os armazéns parceiros que estocam os produtos. Para fazer parte da rede colaborativa, o interessado se cadastra no aplicativo da startup e após ser aprovado consegue ter acesso às rotas inteligentes criadas pela Uello. Ele pode escolher quantas entregas quer fazer no dia e qual o melhor horário, por exemplo, seguindo a rota proposta pelo app. Para ter acesso aos produtos, basta realizar a retirada em um dos armazéns espalhados pela cidade. Todo o processo pode ser administrado pelo motorista em tempo real no aplicativo- com supervisão e segurança da Uello.

De acordo com Fernando Sartori, especialista em logística e fundador da Uello, a rede colaborativa possibilita diminuir os custos logísticos em até 30% – valor que varia em relação às demandas e tamanho de cada empresa que solicita o serviço. 

Economia colaborativa para atender empresas de todos os portes

De acordo com o empreendedor, a Uello nasceu para solucionar o problema de pequenas e médias lojas virtuais, com poucos pedidos diários e que dependiam quase que exclusivamente dos Correios para realizar seus envios. Porém, as grandes empresas também viram na solução uma forma de customizar e otimizar suas entregas, melhorando a experiência do cliente final. Entre os principais parceiros da empresa estão: Dafiti, Arezzo, MMartan, Canon, Victorinox, B.blend, Enjoei, Mary Kay, entre outros.

A startup tem como modelo de negócio a economia colaborativa, já que incentiva que motoristas de aplicativos, carros de passeios, de carga – e até mesmo motoboys se tornem parceiros da empresa, garantindo uma renda extra. “Muitos motoristas de aplicativos são nossos parceiros e eles recebem o treinamento necessário para começar. Quem é autônomo ou motoboy, por exemplo, também pode fazer parte da nossa rede. Notamos que os nossos motoristas parceiros viram na entrega colaborativa uma forma de aproveitar o veículo que têm para gerar um dinheiro extra. Além disso, nossas rotas são dinâmicas, o que significa que novas oportunidades de serviços podem surgir ao longo do dia – gerando mais ganhos aos motoristas e agilidade nas entregas aos clientes”, explica. 

A empresa também disponibiliza uma plataforma online para atender suas empresas parceiras e o app para que os motoristas tenham acesso às rotas em tempo real – garantindo segurança e automatização dos processos. Já o consumidor final – pessoa que irá receber a encomenda – pode acompanhar a entrega do seu pedido por meio de um link, sem a necessidade de baixar o app da empresa – gerando uma experiência personalizada e segura. 

Fonte: Agência NoAr

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here